Supersimples dúvidas que todo mundo tem

 

 

Super-simples-duvidas-basicas

 

O governo divulgou as regras para o supersimples, mas será que na pratica será bom? Veja as principais antes de aderir ao novo regime.

O governo finalmente anunciou a aprovação do Supersimples para 2015, que universaliza o Supersimples – sistema de tributação diferenciado para as micro e pequenas empresas que unifica oito impostos em um único boleto e reduz, em média, em 40% a carga tributária.

Destacamos abaixo algumas das dúvidas mais comuns sobre o assunto:

 1)   Como saber se meu imposto será reduzido?

Para saber se haverá redução na carga tributária é preciso observar o movimento que se tem/terá de faturamento e as despesas com folha de pagamento e pro labore para algumas atividades.

2)   Sou obrigado a fazer a mudança?

Não, a opção para o Supersimples é da empreendedora e terá validade a partir de 01/01/2015 e deve ser mantido durante todo o ano de 2015, podendo mudar novamente de tributação para 2016.

 3)   Tenho débito de impostos, poderei optar pelo regime do supersimples?

Não, para migrar para o supersimples é preciso que os débitos estejam pagos ou negociados em todos os âmbitos – federal, estadual e municipal.

 4)   Já sou sócio de outras empresa, poderei optar?

Sim, poderá fazer a opção, só é preciso observar o faturamento das empresas e a participação de cada sócio, para participação acima de 10% o faturamento global não poderá ultrapassar R$ 3,6 milhões no ano

5)   Já tenho uma empresa no simples nacional e quero incluir uma atividade de consultoria (antes impedida), já posso fazer a alteração?

A alteração pode ser feita, mas até o final do ano a empresa não poderá optar pelo simples nacional, devendo migrar para outra tributação (lucro presumido ou real) e fazer a opção do simples para 2015.

Entre em contato conosco para que possamos apresentar outras vantagens do planejamento tributário, que reduz ate 40% da caraga tributaria, e para que a sua empresa também faça parte disso.

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *